22 de jul de 2012

[especial criança] Em lançamento, A Origem do Beija-flor

A obra é indicada para crianças a partir dos 9 anos de idade e foi um dos destaques da Flipinha, versão infantil da Feira Literária Internacional de Paraty realizada no início do mês. A Origem do Beija-Flor conta a história de Potyra, uma indiazinha de 8 anos de idade que estreita a relação de amizade com a mãe após a morte do pai. Após a morte da mãe, que não suportou a tristeza que sentia, Potyra, cujo nome significa flor, também morrer depois de passar muito tempo ao pé do cajueiro onde a mãe foi enterrada. A mãe, que agora é uma alma-borboleta, vai ao encontro de sua alma, presa a uma flor.


O livro é escrito por Yaguarê Yamã, autor da tribo indígena Maraguá, e editado em dois idiomas, maraguá e português, pela Editora Peirópolis. Ele integra a primeira linha brasileira de livros infanto-juvenis dedicada a línguas ameaçadas de extinção. Hoje o maraguá é falado por pouco mais de 10 pessoas, embora as quatro aldeias desse povo, distribuídas às margens do rio Abacaxis, no coração da Amazônia, tenham cerca de 200 habitantes.


A Origem do Beija-Flor ou Guañaby Muru-Gáwa, na língua marajá, pode ser ouvida no idioma original pelo link da Coleção Peirópolis Mundo: www.editorapeiropolis.com.br/peiropolismundo.


(Fontes: Editora Peirópolis e Folha de S. Paulo)

0 comentários:

Postar um comentário